FACEBOOK OficialHospital das Forças ArmadasLista das MissõesMarinhaExércitoForça Aérea
printBanner
Domingo, 19.11.17 | 13h56
Você está aqui: Home » Notícias »
A A A  Imprimir Imprimir
NoticiasHeader
Lusitano 2017 - DVDay
Lusitano 2017 - DVDay
header
Receba a nossa newsletter para estar a par de todas as nossas actividades.


CONCURSOS HFAR HFAR - Informação aos Utentes

FRAGATA BARTOLOMEU DIAS PARTE PARA O MEDITERRÂNEO ORIENTAL A FIM DE INTEGRAR OPERAÇÃO DA NATO


7-04-2017

A fragata Bartolomeu Dias largou, dia 7 de abril, da  Base Naval de Lisboa para uma missão na região do Mediterrâneo Oriental com a duração de um mês, como parte do contributo de Portugal para a operação Sea Guardian (OSG), no âmbito da NATO, integrada no esforço internacional de segurança marítima e combate às atividades ilícitas no mar associadas ao financiamento do terrorismo transnacional.

A Operação Sea Guardian resulta da transformação da Operação Active Endeavour (OAE) numa operação Non-Article 5 Maritme Security Operation (NA5MSO), decorrente da Cimeira da NATO de Varsóvia, em Julho de 2016 e em virtude da situação operacional no Mediterrâneo se ter alterado havendo a necessidade de substituir o esfoço da missão de combate ao terrorismo por tarefas no âmbito da segurança marítima.

A participação da fragata portuguesa nestas tarefas irá ocorrer num período limitado, com o objetivo de incrementar o conhecimento situacional marítimo de uma forma mais robusta, designado de Focused Operations visando o reforço de vigilância naquele Teatro de Operações.

Algumas das tarefas a atribuir incluem: contribuir para a edificação de capacidades de segurança marítima, apoiar a comunidade marítima local contribuindo para um sentimento de segurança, defender a liberdade de navegação, realizar ações de abordagem e vistoria no mar, combater a proliferação de armas de destruição em massa e proteger infraestruturas críticas.

Durante a permanência no Mediterrâneo Oriental a fragata Bartolomeu Dias irá integrar um grupo tarefa sobre o comando tático da Marinha da Grécia, contando a força naval com unidades navais de Portugal, Itália, Turquia e Grécia e ainda um submarino da Turquia. Adicionalmente também em apoio à operação Sea Guardian mas integrada noutro grupo tarefa estará presente na área de operações em simultâneo, uma aeronave de patrulha marítima e reconhecimento P3C CUP + da Força Aérea Portuguesa, a operar a partir de uma base aérea em Itália.

A fragata Bartolomeu Dias é comandada pelo Capitão-de-fragata Hermínio Alberto Sousa Miranda e possui uma guarnição de 163 militares. O navio conta ainda com duas equipas do Pelotão de Abordagem dos Fuzileiros, que permitem conduzir ações de vistoria a navios, uma equipa de mergulhadores e um médico.

Fragata Bartolomeu Dias no Mediterrâneo participa no "Operation Sea Guardian". - 1979

Biografia do Comandate do NRP Bartolomeu Dias

Top