FACEBOOK OficialHospital das Forças ArmadasLista das MissõesMarinhaExércitoForça Aérea
printBanner
Segunda-feira, 20.11.17 | 09h43
Você está aqui: Home » Notícias »
A A A  Imprimir Imprimir
NoticiasHeader
Lusitano 2017 - DVDay
Lusitano 2017 - DVDay
header
Receba a nossa newsletter para estar a par de todas as nossas actividades.


CONCURSOS HFAR HFAR - Informação aos Utentes

Uma aeronave P-3C CUP+ da Força Aérea Portuguesa, ao serviço da NATO na operação “Sea Guardian”, detetou, no dia 15 de abril, uma embarcação de borracha com aproximadamente 100 migrantes a bordo.


17-04-2017

Uma aeronave P-3C CUP+ da Força Aérea Portuguesa, ao serviço da NATO na operação "Sea Guardian", detetou, no dia 15 de abril, uma embarcação de borracha com aproximadamente 100 migrantes a bordo.

A missão de vigilância marítima, a cargo da tripulação da aeronave P-3C Cup+, da Esquadra 601 - "Lobos", permitiu encaminhar para o local meios de salvamento e proceder ao resgate dos migrantes, que se encontravam numa embarcação em elevado risco de naufrágio. Nesta missão foi patrulhada uma área superior a 550.000 Km2 durante aproximadamente nove horas de voo.

Recorde-se que participam na operação "Sea Guardian", da NATO, desde dia 12 de abril, uma aeronave P-3C Cup+ e 27 militares da Força Aérea. Esta operação, conta com a participação de meios aéreos e de superfície da Aliança Atlântica, com a finalidade de patrulhar e de monitorizar o Mar Mediterrâneo. O objetivo: dissuadir, defender e proteger os Estados aliados contra ataques terroristas.

O destacamento português opera a partir da Base Aérea de Sigonella, em Itália, e tem uma duração de 15 dias. Nestas missões, a Esquadra 601 está também a monitorizar situações de narcotráfico, de imigração ilegal e de poluição marítima pretendendo promover a estabilidade e a segurança em todo o Mar Mediterrâneo.

Top