FACEBOOK OficialHospital das Forças ArmadasLista das MissõesMarinhaExércitoForça Aérea
printBanner
Domingo, 19.11.17 | 14h11
Você está aqui: Home » Notícias »
A A A  Imprimir Imprimir
NoticiasHeader
Lusitano 2017 - DVDay
Lusitano 2017 - DVDay
header
Receba a nossa newsletter para estar a par de todas as nossas actividades.


CONCURSOS HFAR HFAR - Informação aos Utentes

1º Exercicio Ciberdefesa Ibero-Americano


7-11-2017

O 1º Exercício Ibero-Americano de Ciberdefesa, teve lugar em Brasília, nas instalações do Centro de Instrução de Guerra Eletrónica (CIGE) do Exército Brasileiro, no período de 23 a 27 de outubro de 2017.

Este exercício, do tipo Livex e de periodicidade bienal, insere-se no âmbito do Foro Ibero-Americano, celebrado em 27 de maio de 2016 na base de Retamares (Madrid), onde se elaborou a carta de intenções para progredir na colaboração em Defesa Cibernética entre as Forças Armadas dos países signatários: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Espanha, México, Portugal e Peru. Os seus objetivos principais são:

  • Fomentar a cooperação no âmbito da Ciberdefesa, partilha de conhecimento, entre os países do Foro Ibero-Americano;
  • Praticar e desenvolver técnicas e procedimentos de identificação e exploração de vulnerabilidades em sistemas de informação;
  • Partilha de informações sobre as medidas de mitigação de vulnerabilidades com base no conhecimento de cada participante;
  • Estreitar relações de cooperação entre os países que pertencem ao Foro Ibero-Americano.

Portugal participou com uma delegação de 5 militares, constituindo-se uma equipa conjunta, liderada pelo Centro de Ciberdefesa e com a colaboração dos Ramos das Forças Armadas.

 
Exercicio Ibero-Americano de Ciberdefes - Brasilia_a - 2096 Exercicio Ibero-Americano de Ciberdefes - Brasilia_b - 2097
A execução do exercício teve por base o Simulador de Operações Cibernéticas (SIMOC), adquirido e desenvolvido pelo Exército Brasileiro, com o intuito de permitir o treino operacional dos militares pertencentes ao Comando de Ciberdefesa, e colocado à disposição das nações que integram o Foro Ibero-Americano durante o exercício.

Top