FACEBOOK OficialHospital das Forças ArmadasLista das MissõesMarinhaExércitoForça Aérea
printBanner
Quinta-feira, 14.12.17 | 06h03
Você está aqui: Home » Notícias »
A A A  Imprimir Imprimir
NoticiasHeader
Lusitano 2017 - DVDay
Lusitano 2017 - DVDay
header
Receba a nossa newsletter para estar a par de todas as nossas actividades.


700 Anos da Marinha FACEBOOK Oficial

COMANDANTE DA BRIGADA DE INTERVENÇÃO VISITA MILITARES PORTUGUESES NA LITUÂNIA


1-06-2015

O Comandante da Brigada de Intervenção, Major-general Carlos Aguiar Santos realizou, de 19 a 24 de maio de 2015, uma visita aos militares portugueses da Recce Coy/FND/AM2015 em missão na Lituânia.

No primeiro dia da visita, o Major-general Aguiar Santos foi recebido em Vilnius, pelo Comandante das Forças Terrestres do Exército Lituano, Major-general Almantas Leika, que lhe deu as boas vindas ao país anfitrião e, em particular ao Exército Lituano.

 No segundo dia, o Comandante da Brigada de Intervenção fez-se deslocar a Rukla, onde está localizada a Mechanized Infantry Brigade Iron Wolf, onde foi recebido pelo Comandante da Brigada, Coronel Raimundas Vaiksnoras e pelo Comandante da força portuguesa, Major de Cavalaria Pedro Cabral. Após os habituais cumprimentos oficiais, o Major-general Aguiar Santos recebeu honras militares prestadas pela Recce Coy, tendo feito de seguida uma breve alocução aos militares formados em paradas, congratulando-os pelo trabalho e pelo espírito de missão demonstrado até ao momento. No final deste dia, o Comandante da Brigada de Intervenção assinou o Livro de Honra da Força Nacional Destacada, deixando assim o registo do evento para a história.

O terceiro dia de visita à Lituânia coincidiu com o Exercício "IRON FIST" na região de Pabradés, e ficou marcado por uma sessão de tiro de armas coletivas e pelo contacto mais direto entre o Major-general Aguiar Santos e os militares portugueses.

Salienta-se a elevada importância dada a esta visita oficial do Comandante da Brigada de Intervenção que publicamente reconheceu o excelente trabalho e dedicação dos 140 militares atualmente destacados na Lituânia ao serviço de Portugal.

(Texto e imagens editadas pelo GABCEMGFA)

Top