FACEBOOK OficialHospital das Forças ArmadasLista das MissõesMarinhaExércitoForça Aérea
printBanner
Terça-feira, 12.12.17 | 00h59
Você está aqui: Home » Notícias »
A A A  Imprimir Imprimir
NoticiasHeader
Lusitano 2017 - DVDay
Lusitano 2017 - DVDay
header
Receba a nossa newsletter para estar a par de todas as nossas actividades.


700 Anos da Marinha FACEBOOK Oficial

NRP FIGUEIRA DA FOZ VISITA CABO VERDE


29-06-2015

O navio patrulha oceânico Figueira da Foz, da Marinha Portuguesa, encontra-se de regresso a Portugal, depois de um périplo de dois meses pela costa Oeste de África, tendo visitado vários países da CPLP, nomeadamente São Tomé e Príncipe, Guiné-Equatorial, Angola, Guiné-Bissau e Cabo Verde. As visitas a estes países inseriram-se no âmbito de um programa de atividades com vista ao estreitamento dos laços de cooperação e ao aprofundamento das relações bilaterais com as Marinhas e Guardas Costeiras dos países amigos.

Durante a presença em Cabo Verde (cidade da Praia, ilha de Santiago), foram desenvolvidas diversas ações de treino conjunto entre Fuzileiros portugueses e Fuzileiros Navais de Cabo Verde, salientando-se a realização de atividades no domínio específico do socorrismo de combate e do treino de perícias de tiro.

Aquando da estada no porto da Praia, o navio apoiou ainda a visita do Ministro da Defesa Nacional (MDN), Dr. José Pedro Aguiar-Branco, que com o seu homólogo, o Ministro dos Assuntos Parlamentares e da Defesa de Cabo Verde, Dr. Rui Mendes Semedo, assinaram a bordo o programa quadro de cooperação técnico-militar luso-cabo-verdiano 2015-2017 e o auto de entrega de meios de desembarque destinados às Forças Armadas de Cabo Verde. No final da cerimónia, o MDN doou dois botes de assalto, equipados com motores fora de borda e respetiva palamenta, com o objetivo de reforçar os meios de desembarque já existentes, contribuindo assim para o incremento da capacidade operacional dos fuzileiros navais de Cabo Verde.

O NRP Figueira da Foz, comandado pelo Capitão-tenente Pedro de Lucena Coelho Dias, é o segundo navio da classe Viana do Castelo, cumpriu esta missão com 60 militares embarcados, incluindo uma equipa de fuzileiros, uma equipa de mergulhadores e uma equipa médica.

 

 

 

 

O navio chegará a Lisboa previsivelmente no próximo dia 1 de julho, após perfazer mais de 1400 horas de missão e de percorrer 10.000 milhas náuticas.

 

 

 

(Texto e imagens editadas pelo GABCEMGFA)

Top