Ministério da DefesaMapa das MissõesLista das MissõesMarinhaExércitoForça Aérea
printBanner
Terça-feira, 24.01.17 | 09h09
A A A  Imprimir Imprimir
NoticiasHeader
BOAS FESTAS
BOAS FESTAS
header
Receba a nossa newsletter para estar a par de todas as nossas actividades.


CONCURSOS HFAR HFAR - Informação aos Utentes

EUROMARFOR


 

LINK SITE OFICIAL EUROMARFOR

 

   A EUROMARFOR (EMF) é uma Força Marítima Europeia que realiza operações navais, aéreas e anfíbias. A composição da força depende da missão atribuída.

   A EUROMARFOR foi criada em 1995 pela França, Itália, Portugal e Espanha. Na sequência da Declaração de Petersberg (1992), as quatro nações criaram uma Força Marítima Multinacional com capacidade para ser empregue de forma independente ou em conjunto com outras forças, em operações autónomas ou patrocinadas por entidades supranacionais (União Europeia Ocidental - UEO, União Europeia - UE, Organização das Nações Unidas - ONU, entre outras) em missões humanitárias ou de evacuação, de resgate, de manutenção de paz e de combate.

  Destinada prioritariamente à União Europeia (a força está incluída no Catálogo de Forças Europeias), a EUROMARFOR é uma força naval multinacional, não permanente, podendo contudo num curto espaço de tempo, constituir uma força pronta para atuar.

 

 

ORGANIZAÇÃO

   A estrutura de comando da EUROMARFOR compreende:

   - O Comité Interministerial (CIMIN) que é o nível máximo de decisão da EUROMARFOR, assegura a condução política da organização e estabelece as condições para emprego da força. O comité é constituído pelos Chefes do Estado-Maior General das Forças Armadas e Diretores Gerais de Política Externa do Ministério dos Negócios Estrangeiros dos quatro estados-membros.

   - O COMEUROMARFOR (CEMF) é o Comandante Operacional da EUROMARFOR, nomeado em rotatividade, por períodos de 2 anos, entre os Comandantes Navais dos quatro países supra mencionados. No período em que um dos quatro comandantes navais assume o cargo de CEMF, o seu quartel-general passa a acumular a função de quartel-general da EUROMARFOR e o seu Estado-Maior Nacional passa a acumular a função de Estado-Maior do CEMF. Existe ainda a Célula Permanente da EMF que constitui parte integrante do Estado-Maior do Comandante da EUROMARFOR. Esta célula é constituída pelo Diretor (do mesmo país do CEMF), por 4 oficiais representantes nacionais dos países membros, e desde 2001 por 2 oficiais observadores das Marinhas da Grécia e Turquia.

   - O COMGRUEUROMARFOR (CGEMF) é o Comandante Tático da Força no mar. É um oficial especialmente nomeado para o efeito pelo CIMIN, aquando da ativação da força. Este oficial conta para o desempenho das suas funções com o apoio de um Estado-Maior Internacional embarcado, composto por oficiais nomeados para o efeito pelos quatro países.

 

 

Ativação da EUROMARFOR

   A EUROMARFOR é uma força marítima multinacional, não-permanente constituída por quatro nações, aberta contudo à participação de outros países da União Europeia. A EMF é ativada especificamente para o cumprimento de missões ou exercícios. A constituição da força, em número e tipo de meios empregues varia de acordo com as necessidades e as características da missão. Podendo variar entre um pequeno grupo tarefa, constituído por alguns navios, até uma força tarefa de grandes dimensões, incluindo porta-aviões e respetivos grupos de escolta.
   A EUROMARFOR pode ser ativada em 5 dias, após a receção da ordem de ativação.

 

 

História

   A EUROMARFOR surge na sequência da Declaração de Petersberg de 1992, que foi assinada pelos ministros dos negócios estrangeiros da União Europeia (UE).
França, Itália, Espanha e Portugal demonstraram vontade de contribuir para o cumprimento das missões previstas naquela Declaração, e assim em 15 de Maio de 1995 em Lisboa, foi criada formalmente a EUROFORCE (que compreende a componente marítima, EUROMARFOR, e a componente terrestre EUROFOR).
   Desde a criação da EUROMARFOR, a ativação tem sido feita para a realização de exercícios, para dar a conhecer a Força e para a execução de missões reais. A EMF participou nas seguintes operações reais (Real World Operations):

   - 1 outubro 2002 até 30 de Novembro de 2002: Uma operação EMF independente Mediterrâneo Oriental, apelidada de "Coherent Behaviour", que teve como objetivo contribuir para o Fundo Mundial da Luta Contra o Terrorismo Internacional;

   - 14 de janeiro de 2003 até 12 de dezembro de 2005: Participação na Operação "Resolute Behaviour", uma prestação da EMF para a Operação Enduring Freedom, no Oceano Índico, a contribuir para a luta global contra o terrorismo internacional;

   - 29 de fevereiro 2008 até 28 fevereiro 2009: participação na Operação " Impartial Behaviour ", uma contribuição da EUROMARFOR no âmbito da Organização das Nações Unidas "Unifil".
   Destaque ainda para a ativação da EUROMARFOR que ocorreu de 26 a 30 Novembro de 2007 com vista à participação no exercício MULTICOOPERATIVE 2007 com a Argélia.
   Em 2008 a EUROMARFOR foi ativada para o exercício ITALIANO MINEX 08, que decorreu de 31 de Março a 14 de Abril.

 

 

 

EUROMARFOR - Datas relevantes

 

19 junho 1992

Assinatura da Declaração de Petersberg.

 

7 setembro 1992

Os Ministros da Defesa da França, Itália e Espanha desenvolvem o conceito de Força Marítima Europeia pré-estruturada.

 

15 maio 1995

Os Ministros da Defesa e dos Negócios Estrangeiros da França, Itália, Portugal e Espanha assinaram em Lisboa a declaração que deu origem a duas forças europeias estruturadas (EUROMARFOR e EUROFOR).

 

2 outubro 1995

O Vice - Almirante espanhol ACEDO MANTEOLA é nomeado o primeiro Comandante da EUROMARFOR.

 

23 abril 1996

Primeira ativação da EUROMARFOR para participação no exercício EOLO ’96.

 

1 outubro 2002

30 novembro 2002

(2 meses)

Primeira ativação da EUROMARFOR no âmbito de operações reais (Real World Operations – RWO).

Operação “Coherent Behaviour” (no Mediterrâneo Oriental).

 

14 janeiro 2003

12 dezembro 2005

(28 meses)

Segunda ativação da EUROMARFOR em operações reais (Real World Operations).

Operação “Resolute Behaviour” (no Oceano Índico).

 

26 – 30 novembro 2007

Ativação da EUROMARFOR para participação no exercício MULTICOOPERATIVE 2007 com a Argélia.

 

29 fevereiro 2008 28 fevereiro 2009

(12 meses)

Terceira ativação da EUROMARFOR sob a égide das Nações Unidas para participação em operações reais (Real World Operations).

Operação “Impartial Behaviour” (Águas Libanesas).