FACEBOOK OficialHospital das Forças ArmadasLista das MissõesMarinhaExércitoForça Aérea
printBanner
Domingo, 24.06.18 | 15h39
Você está aqui: Home » Notícias »
A A A  Imprimir Imprimir
NoticiasHeader
Comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas em Ponta Delgada
Comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas em Ponta Delgada
header
Receba a nossa newsletter para estar a par de todas as nossas actividades.


Linha de Apoio EMGFA

Militares portugueses cooperam com Cabo Verde em “resposta a sismo”


13-03-2018

Uma Força Naval, composta pelo navio reabastecedor “Bérrio” da Marinha portuguesa, atracado no porto de Mindelo, e 153 militares, participou esta segunda-feira, dia 12 de março, num exercício de simulacro de sismo em Cabo Verde.

No exercício foi simulado um sismo com epicentro entre as ilhas de S. Vicente e Santo Antão, tendo a zona mais afetada sido a zona ribeirinha de Mindelo. A ação de apoio foi coordenada através do posto de comando instalado a bordo do navio português.

Os 81 militares da guarnição do reabastecedor “Bérrio” e  72 fuzileiros portugueses que integraram o exercício, trabalharam conjuntamente com diversas entidades de Cabo Verde, nomeadamente a Guarda Costeira, o Exército, os Bombeiros, estudantes de enfermagem e a comunicação social regional.

Foram montadas tendas de apoio a feridos e evacuados e ainda um posto médico avançado com o auxílio da força combinada de fuzileiros portugueses e cabo-verdianos, liderada pela equipa de saúde portuguesa do navio “Bérrio”, que foi acompanhada de perto pelos alunos de enfermagem de Cabo Verde. Os bombeiros de Cabo Verde desempenharam um papel essencial no teatro de operações, tendo disponibilizado duas ambulâncias, um carro de combate a incêndios e uma viatura de desencarceramento, que foram utilizadas em diversos incidentes no desenrolar do exercício.

Tudo foi feito para aproximar tanto quanto possível a ficção da realidade: “populares exaltados”, representados pela polícia militar local que foram controlados pela força de fuzileiros e receberam apoio psicológico do Exército de Cabo Verde, empenhamento da equipa de mergulhadores da Marinha portuguesa no auxílio a vítimas de um naufrágio e também na recuperação de um cadáver simulado que se encontrava a boiar na baía do Porto Grande, intervenção de equipas técnicas do do navio especializadas em eletricidade e mecânica para auxiliar na reparação de um centro de saúde e de uma casa, bem como o resgate em altura de uma vítima isolada na base de uma falésia, com o emprego de uma equipa combinada de fuzileiros de Portugal e Cabo Verde.

Durante o exercício estiveram igualmente presentes alunos dos cursos superiores de relações públicas e publicidade e de jornalismo, que em contexto real efetuaram entrevistas aos elementos da força naval portuguesa.

Militares portugueses cooperam com Cabo Verde em “resposta a sismo”1 - 2209
Militares portugueses cooperam com Cabo Verde em “resposta a sismo”2 - 2210
Militares portugueses cooperam com Cabo Verde em “resposta a sismo”3 - 2211
Militares portugueses cooperam com Cabo Verde em “resposta a sismo”4 - 2212
Militares portugueses cooperam com Cabo Verde em “resposta a sismo”5 - 2213

Top