FACEBOOK OficialHospital das Forças ArmadasLista das MissõesMarinhaExércitoForça Aérea
printBanner
Domingo, 21.10.18 | 10h07
Você está aqui: Home » Notícias »
A A A  Imprimir Imprimir
NoticiasHeader
Último mês de missão da Força Aérea na Lituânia
Último mês de missão da Força Aérea na Lituânia
header
Receba a nossa newsletter para estar a par de todas as nossas actividades.


Linha de Apoio EMGFA

CERIMÓNIA MILITAR | Evocativa do fim da Grande Guerra | 4 de novembro


4-11-2018

Quando passam cem anos sobre o fim do conflito da 1ª Guerra Mundial, conflito que foi penosamente longo e militarmente mortífero, as Forças Armadas, evocando o Centenário do Armistício, prestam homenagem a todos os portugueses que se bateram nos campos de batalha de África e da Europa, na defesa da sua Pátria, sendo que sobre todos se levanta a memória daqueles que caíram e deram a vida por Portugal.

Este momento pretende não só honrar a memória de todos os militares e polícias falecidos no cumprimento do dever, mas também celebrar a vida, a generosidade e a entrega de tantos que, pela sua doação, contribuíram e contribuem todos os dias para a edificação da paz, da segurança e da liberdade e da coesão nacional.

Com este objetivo, militares dos três ramos das Forças Armadas, a Guarda Nacional Republicana e a Polícia de Segurança Pública, reúnem-se numa grande parada militar no próximo dia 4 de novembro, às 11h00, na Avenida da Liberdade, em Lisboa.


 

PROGRAMA

10h10  Formatura pronta

11h00 Chegada da Entidade que preside à cerimónia; Honras Militares; Revista às Forças em parada.

11h10 Homenagem aos Militares Mortos em campanha (Deposição de coroa flores no Monumento aos militares mortos na Grande Guerra e passagem de aeronaves)

11h35 Imposição de condecorações aos Estandartes dos Ramos

12h00 Inicio do desfile


 

Em Agosto de 1914 os poderes europeus lançaram-se num conflito armado de enormes dimensões, que se prolongou até Novembro de 1918.

Além de defenderam o Continente e as Ilhas Atlânticas, os soldados portugueses estiveram presentes na frente de Angola, em 1914-1915; em Moçambique, entre 1914 e 1918; e em França, em 1917 e 1918.         

    

CEP marcha em treinos militares - 2621

Corpo Expedicionário Português (CEP) marcha em treinos militares

CEP entricheirado na GG - 2622

Corpo Expedicionário Português (CEP) entricheirado durante a Grande Guerra

    

Pela primeira vez a guerra assumiu uma dimensão global e total ficando por isso conhecida até aos nossos dias pela "Grande Guerra", tendo Portugal participado com cerca de 100.000 homens. Na memória de todos estão os 7.492 homens que tombaram pela Pátria. um verdadeiro sacrifício para a Nação.

A nossa participação na Grande Guerra foi sem margem para dúvidas um hino ao sacrifício, ao patriotismo, à vontade de uma Nação e de um povo que, como sempre aconteceu ao longo da nossa história, nunca voltou as costas à adversidade.

A Grande Guerra teve importante significado na história contemporânea portuguesa, com reflexos sociais que excederam largamente o campo militar.

 

CEP no desfile da vitória em Paris - 2623

Corpo Expedicionário Português (CEP) no desfile da vitória em Paris

Top